21 de junho de 2024 18:34

Em um mês região ganhará 1° "shopping aberto" semelhante aos da Europa e EUA
Valdir Roque diz que “candidatura de João Paulo depende dele”
MP consegue ampliar em 50% pena de quadrilha do Pix
150 policiais e 80 viaturas já estão na divisa de Osasco com Carapicuíba
Última semana do Arraiá de Barueri tem axé, pagode, forró e sertanejo
Prefeito inaugura 4ª Cia da Polícia Militar na Vila Ayrosa

21 de junho de 2024 18:34

Em um mês região ganhará 1° "shopping aberto" semelhante aos da Europa e EUA
Valdir Roque diz que “candidatura de João Paulo depende dele”
MP consegue ampliar em 50% pena de quadrilha do Pix
150 policiais e 80 viaturas já estão na divisa de Osasco com Carapicuíba
Última semana do Arraiá de Barueri tem axé, pagode, forró e sertanejo
Prefeito inaugura 4ª Cia da Polícia Militar na Vila Ayrosa
Polícia aponta sabotagem em pane na linha 8 da ViaMobilidade durante greve em outubro

Divulgação

Da redação     -
27 de novembro de 2023

Polícia Civil apontou que a paralisação dos trens na Linha Esmeralda no dia 3 de outubro, durante a greve de metroviários e ferroviários, foi causada por sabotagem em diferentes pontos da linha. A ação criminosa atrasou o restabelecimento do sistema em várias horas e prejudicou milhões de passageiros.

Realizada pelas equipes do 27º Distrito Policial (Campo Belo), a investigação ouviu diversas testemunhas, incluindo funcionários da empresa, que relataram terem encontrados vários objetos que foram arremessados tanto na rede aérea de energia do sistema quanto na linha férrea.

Em um ponto da linha, próximo da estação Autódromo, também foram identificados sinais de vandalismo em uma máquina de chaveamento de via. A fiação do equipamento foi completamente arrancada, impedindo o restabelecimento do sistema. As informações constam no laudo elaborado pelo Instituto de Criminalística. O documento também mostra os locais onde o gradil de proteção foi aberto para a entrada dos criminosos da linha férrea.

As equipes do 27º DP analisaram imagens de diferentes câmeras de segurança instaladas ao longo da via, contudo, nos pontos onde houve sabotagem, não havia monitoramento. A polícia acredita que os criminosos tenham escolhido estes pontos para não serem identificados.

“Foram realizadas varreduras nos pontos onde os objetos foram arremessados, que não possuem câmeras. Não foi possível identificar os autores, mas verificamos que houve atentados em diversos pontos da linha, com arremesso de objetos estranhos ao sistema nas estações de Osasco a Interlagos, que foram apreendidos.”, disse o doutor Eduardo Luís Ferreira, delegado titular do 27º DP.

O inquérito agora será concluído e relatado para análise do Ministério Público e Poder Judiciário.

 

Fotos: