17 de junho de 2024 10:10

Carapicuíba será 1° da região a ter escola do estado sob gestão da iniciativa privada
"Nosso objetivo é um só, é colocar vagabundo atrás das grades", diz Derrite
Câmara aprova R$ 77 milhões para reurbanização do Rochdale
Maior operação policial da América Latina prende 24 pessoas em Osasco
Polícia Militar apreende 8 kg de drogas no Jaguaribe
Teco Godoy se filia ao Podemos em Itapevi

17 de junho de 2024 10:10

Carapicuíba será 1° da região a ter escola do estado sob gestão da iniciativa privada
"Nosso objetivo é um só, é colocar vagabundo atrás das grades", diz Derrite
Câmara aprova R$ 77 milhões para reurbanização do Rochdale
Maior operação policial da América Latina prende 24 pessoas em Osasco
Polícia Militar apreende 8 kg de drogas no Jaguaribe
Teco Godoy se filia ao Podemos em Itapevi
Polícia prende família especializada em roubos de casas

Divulgação

Da redação     -
10 de junho de 2024

A Polícia Civil prendeu em Taboão da Serra, duas mulheres, de 24 e 50 anos, e dois homens, de 31 e 33 anos, membros da mesma família, suspeitos de integrar uma organização criminosa especializada em roubos de residências. Um dos indiciados pertence a uma facção criminosa.

As investigações foram comandadas pelo setor de inteligência da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Americana. De acordo com informações, os agentes localizaram o endereço do homem, foragido desde o último dia 15, após um roubo a residência. Ele também foi identificado em diversos outros assaltos nas cidades de Americana, Amparo, Morungaba e Barretos, todas no interior de São Paulo.

Os agentes prenderam o suspeito próximo a casa dele. Com ele, foi apreendido um revólver com numeração raspada.

Já no imóvel, a mãe, a namorada e o primo do suspeito foram detidos também. Os três foram interrogados separadamente e informaram à polícia que tinham conhecimento dos roubos.

Em um segundo endereço, a polícia localizou diversos objetos roubados. Foram apreendidos talheres, relógios, pulseiras, cédulas, além de um coldre em couro, o qual possuía seis munições calibre 32.

Ainda segundo informações obtidas pelos policiais, o pai da namorada do suspeito costumava realizar a venda e compra de armas e munições a integrantes da facção criminosa. Ele é investigado pela DIG.

A Polícia Civil trabalha na identificação dos outros integrantes da organização especializada nos roubos.

O caso foi registrado como posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, resistência, associação criminosa e receptação na DIG de Americana. (com informações SSP-SP)