17 de junho de 2024 11:58

Carapicuíba será 1° da região a ter escola do estado sob gestão da iniciativa privada
"Nosso objetivo é um só, é colocar vagabundo atrás das grades", diz Derrite
Câmara aprova R$ 77 milhões para reurbanização do Rochdale
Maior operação policial da América Latina prende 24 pessoas em Osasco
Polícia Militar apreende 8 kg de drogas no Jaguaribe
Teco Godoy se filia ao Podemos em Itapevi

17 de junho de 2024 11:58

Carapicuíba será 1° da região a ter escola do estado sob gestão da iniciativa privada
"Nosso objetivo é um só, é colocar vagabundo atrás das grades", diz Derrite
Câmara aprova R$ 77 milhões para reurbanização do Rochdale
Maior operação policial da América Latina prende 24 pessoas em Osasco
Polícia Militar apreende 8 kg de drogas no Jaguaribe
Teco Godoy se filia ao Podemos em Itapevi
Pré-candidato à prefeitura de São Paulo é ameaçado de morte

Divulgação

Da redação     -
11 de junho de 2024

Pablo Marçal (PRTB), empresário de Alphaville e pré-candidato a prefeito de São Paulo, abriu um Boletim de Ocorrência após ser ameaçado de morte.

Caso foi registrado nesta segunda-feira (10) em uma delegacia na Zona Sul da Capital. O coach prestou depoimentos e foi informado sobre o prazo de seis meses para a instauração do inquérito policial.

Segundo o empresário, as ameaças foram feitas por telefone e por mensagens de SMS, e incluíram menções a sequestro e assassinato contra ele e sua família.

Ele destacou que o autor das ameaças afirmou fazer parte de um grupo e que Marçal poderia ser morto caso ele não desistisse da candidatura.

“Foram duas (ameaças), no dia 23 de maio e a última no dia 31. Foi a mesma pessoa”, declarou Marçal em entrevista ao jornal O GLOBO.

Ao sair da delegacia, o pré-candidato afirmou aos repórteres que gravou o ocorrido e que entregou tudo às autoridades policiais.

“A pessoa me disse que teria recebido (dinheiro) de um político e que eu deveria me afastar e não concorrer à prefeitura. Disseram que iriam executar quando eu voltasse de uma viagem. Cancelei um voo e decidimos fazer (a denúncia)”, completou.