22 de junho de 2024 00:56

Incursão em favela resulta na apreensão de quase duas mil porções de drogas
"Operações nas divisas vão continuar", diz coronel Virgolino
Vôlei Osasco apresenta elenco da temporada 2024/2025
Em 4h, polícia e GCM vistoriam 196 pessoas, 71 motos e 25 carros na divisa de Osasco e Carapicuíba
Cotia prevê orçamento de R$ 1,7 bilhão para 2025
Em um mês região ganhará 1° "shopping aberto" semelhante aos da Europa e EUA

22 de junho de 2024 00:56

Incursão em favela resulta na apreensão de quase duas mil porções de drogas
"Operações nas divisas vão continuar", diz coronel Virgolino
Vôlei Osasco apresenta elenco da temporada 2024/2025
Em 4h, polícia e GCM vistoriam 196 pessoas, 71 motos e 25 carros na divisa de Osasco e Carapicuíba
Cotia prevê orçamento de R$ 1,7 bilhão para 2025
Em um mês região ganhará 1° "shopping aberto" semelhante aos da Europa e EUA
Prefeito pede isenção de pedágio a quem mora em Cotia e trabalha em São Paulo

Divulgação

Da redação     -
10 de junho de 2024

Na sexta-feira (7), o prefeito de Cotia, Rogério Franco, recebeu em seu gabinete o secretário estadual de Parcerias, Rafael Benini, para tratar sobre o projeto do governo do estado “Nova Raposo” que visa privatizar a estrada no trecho entre Cotia e São Paulo. De acordo com a proposta serão instalados seis pontos de cobrança de pedágio nos dois sentidos.

Na reunião com Benini, o prefeito solicitou que o governador Tarcísio de Freitas estude a possibilidade, junto à sua equipe, de isenção de tarifa dos moradores de Cotia que trabalham na Capital.

Outros pontos discutidos foram a criação de um corredor de ônibus na Raposo e a reavaliação das desapropriações para abertura de vias marginais para escoamento do trânsito, previsto no projeto “Nova Raposo”. Isso traria um impacto muito grande devido à densidade habitacional, comercial e empresarial às margens da rodovia.