27 de maio de 2024 21:29

Café Sampa celebra Dia do Hambúrguer com 50% de desconto nos combos
PRTB oficializa Pablo Marçal pré-candidato a prefeito de São Paulo
Defesa Civil de Jandira e GCM chegam ao Rio Grande do Sul
Moradora denuncia vazamento de água em Carapicuíba
Trio rouba adega durante madrugada em Carapicuíba; veja vídeo
Vendedores ambulantes ganham espaços fixos na Fazendinha

27 de maio de 2024 21:29

Café Sampa celebra Dia do Hambúrguer com 50% de desconto nos combos
PRTB oficializa Pablo Marçal pré-candidato a prefeito de São Paulo
Defesa Civil de Jandira e GCM chegam ao Rio Grande do Sul
Moradora denuncia vazamento de água em Carapicuíba
Trio rouba adega durante madrugada em Carapicuíba; veja vídeo
Vendedores ambulantes ganham espaços fixos na Fazendinha
Prefeitura deve entrar em terreno com foco de dengue e mandar conta para o dono

Divulgação

Graciela Zabotto    -
21 de março de 2024

Em sessão ordinária que aconteceu na Câmara Municipal de Osasco na terça-feira (19), o vereador Julião (PSB) sugeriu que a Prefeitura limpe os terrenos abandonados na cidade e mande a conta para o proprietário pagar.

Sugestão surgiu durante debate sobre a proliferação dos casos de dengue no município. A limpeza dos terrenos seria uma forma de eliminar focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. Dentre eles estão garrafas pets e latinhas.

“Acho que poderia passar um projeto de lei sobre a questão desses terrenos que estão abandonados em nossa cidade. Poderia, por exemplo, ter um mecanismo de intervenção de melhorias nesse espaço e mandar a conta para o dono do terreno. Às vezes o dono do terreno não mora aqui na cidade, não mora no estado e nem está no país”, falou Julião. Durante sua fala, o vereador Josias da Juco (PSD) disse ao parlamentar que essa lei já existe. “Então precisamos ter mecanismos mais contundentes para poder atuar o mais rápido possível”, respondeu o vereador do PSB.

Nesta quarta-feira (20), dados do governo do estado apontava Osasco com 2.972 casos confirmados de da doença e 726 em investigação. Uma morte por suspeita de dengue também está sendo investigada.