20 de abril de 2024 06:52

Marcos Neves anuncia José Roberto como pré-candidato a prefeito em Carapicuíba
Renata Abreu lança abaixo-assinado para SUS Animal
Laércio Mendonça diz que só deixa cadeira do PSD por “decisão da lei”
Vereadores criticam comissionados da Prefeitura por dificultar processos
“Parece que somos 21 pamonhas aqui dentro”, diz Santa Maria
"Cada ano de trabalho da gente é considerado dois do povo aí fora”, diz vereador

20 de abril de 2024 06:52

Marcos Neves anuncia José Roberto como pré-candidato a prefeito em Carapicuíba
Renata Abreu lança abaixo-assinado para SUS Animal
Laércio Mendonça diz que só deixa cadeira do PSD por “decisão da lei”
Vereadores criticam comissionados da Prefeitura por dificultar processos
“Parece que somos 21 pamonhas aqui dentro”, diz Santa Maria
"Cada ano de trabalho da gente é considerado dois do povo aí fora”, diz vereador
Pilotos da região aceleram buggy V6 no Rally dos Sertões

(Foto Ney Evangelista)

Sergio Redator    -
29 de outubro de 2020

Fabrício Bianchini, de Barueri, e Adhemar Pereira “Índio”, de Fortaleza, da equipe Bianchini Rally, começam a acelerar nesta, sexta-feira (30), o Buggy 4×2, motor V6 Amarok, preparado pela MEM Motorsport, no Prólogo do Sertões, que definirá a ordem de largada para a 28º edição. Ambos pilotos do moto, disputarão, pela primeira vez, na categoria Open.

“A paixão por esse bugão é enorme e vem de tempos. É um sonho sendo realizado e uma mistura de emoções! A equipe fez um trabalho sensacional. O carro está estupidamente forte e vou ter de dosar o pé”, explica o piloto que segue para a 20ª participação no Sertões. “Nossa intenção é andar entre os 10 da geral, mas principalmente fazer uma prova redonda e terminar”, afirma Bianchini.

O desafio durante sete dias será percorrer aproximadamente 5 mil quilômetros entre São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal, Tocantins até chegar no litoral maranhense, em Barreirinhas, no dia 7 de novembro.

“Será a minha estreia na categoria carros, ao lado de um grande amigo, que é um grande piloto também. Nossa sincronia é perfeita e pudemos comprovar isso quando disputamos o Sertões 2018 de UTV, quando sequer baixamos um pneu durante todos os dias e, agora, não será diferente, vamos para cima”, avisa Índio ou Indião como é conhecido no meio off-road o cearense que completa a sua 11ª participação.

Piloto e navegador não tiveram tempo de treinar juntos. Mas no último fim de semana Bianchini pode matar a vontade e acelerar um pouco o Buggy e ficou satisfeito com o desempenho. “Evolução das máquinas veio com o tempo e com o investimento das equipes. Isso mostra que nosso esporte evoluiu também e isso é muito positivo”, finaliza.