24 de maio de 2024 15:47

Projeto que substitui sinais sonoros nas escolas é aprovado em Osasco
Cemitério dos Girassóis será reformado e vai ganhar 4 mil jazigos
Caminhão baú sobe em pilastra de concreto na Raposo Tavares
Ladrão coloca cadeado em moto roubada para não ser furtado
Novo golpe? Bandidos batem em traseira de moto para render vítima
Governo aprova instalar Instituto Federal em prédio da Unifesp no Jardim das Flores

24 de maio de 2024 15:47

Projeto que substitui sinais sonoros nas escolas é aprovado em Osasco
Cemitério dos Girassóis será reformado e vai ganhar 4 mil jazigos
Caminhão baú sobe em pilastra de concreto na Raposo Tavares
Ladrão coloca cadeado em moto roubada para não ser furtado
Novo golpe? Bandidos batem em traseira de moto para render vítima
Governo aprova instalar Instituto Federal em prédio da Unifesp no Jardim das Flores
Sergio Ribeiro rebate "fake news" sobre pacote de arroz a R$ 50,00

Divulgação

Da redação     -
11 de março de 2024

O pré-candidato a prefeito de Carapicuíba, pelo PT, Sergio Ribeiro usou suas redes sociais para rebater “fake news” sobre o preço do arroz.

Postagens em redes sociais espalham que o pacote com 5 quilos está custando R$ 50,00. Um preço recorde e que isso seria culpa do atual governo.

Sergio Ribeiro foi até um supermercado da cidade para mostrar que o produto é comercializado entre R$ 23 e R$ 30 o pacote com cinco quilos.

O petista ainda brinca com a situação e diz que “a oposição deve estar comprando arroz da Europa e pagando em euro”.

Em 2023, a alta de 16% no preço de um dos principais itens do prato do brasileiro se deve a dois fatores:

Primeiro, a Índia passou a exportar menos arroz em âmbito mundial para proteger o mercado interno daquele país.

O outro motivo foram chuvas e ciclones que atingiram o Brasil no ano passado, principalmente o Rio Grande do Sul, um dos principais produtores do Brasil. Os temporais atrapalharam a colheita, o tempo seco é necessário para o plantio e manejo do arroz.