26 de maio de 2024 14:27

Aposta de Osasco leva prêmio de 1,2 milhão na Lotofácil
Capotamento "trava" Raposo Tavares no sentido Capital
Tarcísio autoriza 16 radares na Raposo entre Cotia e SP; veja locais
Ana Paula Rossi deixa Câmara de Osasco por um mês
Cajamar faz Expo Emprego com maior oferta de vagas da história da Região Metropolitana
Emidio diz que “escola não é quartel” sobre escola cívico-militar

26 de maio de 2024 14:27

Aposta de Osasco leva prêmio de 1,2 milhão na Lotofácil
Capotamento "trava" Raposo Tavares no sentido Capital
Tarcísio autoriza 16 radares na Raposo entre Cotia e SP; veja locais
Ana Paula Rossi deixa Câmara de Osasco por um mês
Cajamar faz Expo Emprego com maior oferta de vagas da história da Região Metropolitana
Emidio diz que “escola não é quartel” sobre escola cívico-militar
Vereador pede distribuição de repelente nas escolas municipais

Divulgação

Da redação     -
17 de abril de 2024

O vereador pastor Paulo Júnior (PRD) protocolou na Câmara de Osasco uma Indicação sugerindo para a Prefeitura que inicie nas escolas da rede municipal a distribuição de repelentes contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue.

“O repelente possui 10 horas de proteção efetiva e é eficiente contra o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, Zika e Chikungunya. Desde o começo do ano letivo, as escolas da rede têm intensificado os trabalhos de conscientização sobre os cuidados de combate à dengue com os alunos”, apontou Paulo Júnior em sua justificativa.

Durante participação no programa Direto do Plenário, na TV Câmara, Sátiro Júnior, gerente da Vigilância Epidemiológica de Osasco, informou que 70% dos casos de dengue na cidade poderiam ser evitados pela população.

“Boa parte da prevenção está nas mãos da população. Os focos dos criadouros estão constituídos dentro do domicílio. Todo local que tem água parada é um local de proliferação”, ressaltou Sátiro Júnior.