19 de abril de 2024 05:29

Alunos de Osasco participam do projeto “Sua saúde começa pela boca”
Basket Osasco conhece sua primeira derrota no Brasileiro
Prefeituras retomam desassoreamento do rio Cotia no Maria Helena
César Menotti e Fabiano cantam na 81ª Romaria de Caucaia a Pirapora
“O nego vai longe”: osasquense chega no domingo após volta ao mundo
Osasco integra programa nacional sobre segurança alimentar

19 de abril de 2024 05:29

Alunos de Osasco participam do projeto “Sua saúde começa pela boca”
Basket Osasco conhece sua primeira derrota no Brasileiro
Prefeituras retomam desassoreamento do rio Cotia no Maria Helena
César Menotti e Fabiano cantam na 81ª Romaria de Caucaia a Pirapora
“O nego vai longe”: osasquense chega no domingo após volta ao mundo
Osasco integra programa nacional sobre segurança alimentar
Vôlei Osasco bate o Fluminense e chega a nona vitória seguida

Divulgação

Da redação     -
22 de fevereiro de 2024

Vice-líder e invicto na Superliga em 2024, o Vôlei Osasco São Cristóvão Saúde soma nove vitórias consecutivas na competição.

Na noite de quarta-feira (21), no ginásio da Hebraica, no Rio de Janeiro, a equipe do técnico Luizomar derrotou o Fluminense por 3 sets a 1, parciais de 25/15, 25/23, 14/25 e 25/17, em 2h06min.

O próximo desafio será novamente em quadras cariocas, desta vez contra o Sesc Flamengo, na próxima terça-feira (27), no clássico entre os primeiros colocados.

Maior pontuadora da partida, com 24 acertos, e eleita a melhor em quadra pelo público do SporTV, Tifanny comemorou a vitória.

“Essa vitória é muito importante para a nossa equipe, especialmente porque encaramos o Flamengo na próxima rodada, quando vamos com tudo em busca de mais três pontos para encurtar a distância entre nós e elas”, afirmou a ponteira, com o troféu VivaVôlei nas mãos.

O jogo

O saque foi o grande diferencial em favor do Osasco São Cristóvão Saúde no primeiro set da partida desta quarta-feira, no Rio de Janeiro.

Com dois aces, Butler marcou 6/2 e Lorenne faz 10/3. A oposta voltou a cravar a bola no chão, desta vez no 15/6.

Callie, pelo meio, atacou no 19/8, e Tifanny, na pipe, passou pelo bloqueio triplo para garantiu o 21/9. A vitória veio com mais um ponto direto do serviço, com Kenya: 25/15.

O segundo set foi diferente. Osasco seguiu consistente, mas o Fluminense conseguiu equilibrar a partida. Tanto que saiu na frente até Tifanny empatar (6/6) e virar (7/6).

Após uma boa sequência de quatro saques de Lorenne, as osasquense abriram 16/13, chegando a 22/18 com um ace de Tifanny.

Na reta final, as donas da casa voltaram a ameaçar. Luizomar pediu tempo no 22/21, mas sua equipe se beneficiou com dois erros seguidos no serviço carioca e Maira, da entrada de rede, fechou em 25/23.

Osasco sofreu com os próprios erros no terceiro set. Com problemas para se encontrar em quadra, viu o Fluminense abrir vantagem.

Com um bloqueio triplo formado por Tifanny, Butler e Kenya, a equipe osasquense pontuou no 8/13. Amanda, que entrou ao lado de Mayara, atacou no 9/18.

Apesar das mudanças e dos pedidos de tempo de Luizomar, a situação não se alterou. Callie, na china, fez 11/20, e Butler ainda garantiu uma sobrevida no 14/24. Na sequência, as donas da casa fecharam em 25/14.

De volta ao ritmo dos dois primeiros sets, Osasco começou arrasador no quarto set, abrindo 5/0 após boa sequência de saques de Callie.

Quando abriu 10/2, o Fluminense queimou seu segundo pedido de tempo. A vantagem chegou a dez pontos (12/2) com um bloqueio de Lorenne.

Tifanny fez 18/5 após grande defesa de Maira. A ponteira voltou a pontuar no 20/10. Callie, fez 24/15 na bola de xeque. A vitória por 25/17, veio em mais uma pancada de Tifanny.

SUPERLIGA 2023/24
Primeiro Turno

09/11 – Brasília Vôlei 0 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde – Taguatinga
15/11 – Osasco São Cristóvão Saúde 1 x 3 Unilife Maringá – Osasco
22/11 – Barueri 0 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde – Barueri
26/11 – Osasco São Cristóvão Saúde 3 x 0 Pinheiros – Osasco
08/12 – Osasco São Cristóvão Saúde 3 x 1 Fluminense – Osasco
13/12 – Sesi Bauru 3 x 1 Osasco São Cristóvão Saúde – Bauru
18/12 – São Caetano 0 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde – São Caetano
22/12 – Osasco São Cristóvão Saúde 1 x 3 Sesc Flamengo – Osasco
06/01 – Osasco São Cristóvão Saúde 3 x 1 Gerdau Minas – Osasco
10/01 – Dentil Praia Clube 1 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde – Uberlândia
14/01 – Osasco São Cristóvão Saúde 3 x 1 Bluvolei/FURB – Osasco

Segundo Turno

18/01 – Osasco São Cristóvão Saúde 3 x 0 Brasília – Osasco
25/01 – Unilife Maringá 1 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde – Maringá
02/02 – Osasco São Cristóvão Saúde 3 x 0 Barueri – Osasco
06/02 – Pinheiros 2 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde – São Paulo
11/02 – Osasco São Cristóvão Saúde 3 x 0 Sesi Bauru – Osasco
21/02 – Fluminense 1 x 3 Osasco São Cristóvão Saúde – Rio de Janeiro
27/02 – 21h – Sesc Flamengo x Osasco São Cristóvão Saúde – Rio de Janeiro
08/03 – 18h30 – Osasco São Cristóvão Saúde x São Caetano – Osasco
12/03 – 21h – Gerdau Minas x Osasco São Cristóvão Saúde – Belo Horizonte
17/03 – 18h30 – Osasco São Cristóvão Saúde x Praia Clube – Osasco
22/03 – 21h – Bluvolei/FURB x Osasco São Cristóvão Saúde – Blumenau