Onze jogadoras da seleção já vestiram camisa do vôlei Barueri

 Onze jogadoras da seleção já vestiram camisa do vôlei Barueri

Divulgação

A seleção de vôlei feminino do Brasil disputou a primeira rodada da Liga das Nações na última semana. A seleção conquistou três vitórias e sofreu apenas uma derrota, contra os Estados Unidos. O treinador José Roberto Guimarães iniciou um processo de renovação da seleção pensando no novo ciclo olímpico que termina em Paris-2024. E a renovação passa pelo ótimo trabalho que o técnico faz no seu clube, o Barueri Vôlei. Das 20 atletas que estiveram nos primeiros jogos, nada menos do que 11 passaram pelo time da Grande São Paulo.

As ponteiras Karina Souza (atualmente no SESI Bauru) e Tainara Santos (Praia Clube), a levantadora Kenya Malachias (Osasco), as opostas Kisy Nascimento (Minas Tênis Clube), e Lorenne (Ageo Medics/Jap), a central Mayany (SESI Bauru) e as líberos Natinha, recém-contratada pelo Osasco e ex-SESC RJ Flamengo, e Nyeme Victória (SESI Bauru) já vestiram a camisa de Barueri em algum momento das suas carreiras. A oposta Lorrayna Marys foi convocada como atleta do Barueri, mas acabou de se transferir para o exterior. Além delas, as centrais Lorena e Diana estão no elenco atual. A líbero Laís Vasques está entre as 25 convocadas, mas não esteve na rodada disputada nos Estados Unidos.

Atual sexta colocada na tábua de classificação após os primeiros jogos da Liga das Nações, a seleção brasileira volta às quadras na próxima semana no Ginásio Nilson Nelson, em Brasília. A seleção enfrentará a Turquia, Holanda, Itália e Sérvia entre os dias 15 e 19 de junho.

Da Redação