Pastor quer Bases Comunitárias da GCM em bairros estratégicos

 Pastor quer Bases Comunitárias da GCM em bairros estratégicos

(Foto Eliane Tafu)

Em entrevista ao “Diário nas Eleições”, o pastor Reinaldo Mota, candidato a prefeito em Osasco pelo PRTB, disse que se for eleito pretende criar várias Bases Comunitárias da Guarda Municipal. “Vamos mapear a cidade. Hoje existe uma Base na Vila Yara que, sinceramente, não sei pra que serve porque fica no meio da avenida dos Autonomista. O cidadão teria dificuldade em atravessar a rua e chegar até a Base. Precisamos ter Bases Comunitárias em lugares estratégicos. Os moradores do bairro merecem essa sensação de segurança”.

Para implantar essa proposta, Reinaldo Mota precisaria ampliar o efetivo da GCM. “Você sabia que o efetivo de Guarda de Osasco é quase praticamente 1/3 da de Barueri? Você sabia que Barueri tem praticamente 1/3 da população de Osasco? Teremos que contratar mais agentes, por meio de concurso, urgentemente. Abrir concurso públicos, modernizar as viaturas e reforçar o armamento”. 

A candidatura de Reinaldo Mota , intitulada por ele como “única direita” em Osasco, consta como indeferida com recurso pela Justiça Eleitoral, mesmo assim ele aposta na regularização rápida e segue em campanha. O pastor se intitula abertamente como “direita raiz” e a aposta de Reinaldo Mota está na fatia mais conservadora da sociedade e de admiradores do vice-presidente Hamilton Mourão e do presidente da República Jair Bolsonaro que, segundo o pastor, é forte no município. Embora recorra a nomes com eleitorado cativo, como Bolsonaro, o pastor não atinge percentual satisfatório nas pesquisas de intenção de voto. Seus adversários Rogério Lins (Podemos), Emidio de Souza (PT) e Lindoso (Republicanos), respectivamente, mantém a preferência.

Da Redação