• 18/10/2021

Renata Abreu faz ‘enquete’ para saber se população quer Moro presidente

 Renata Abreu faz ‘enquete’ para saber se população quer Moro presidente

“Sérgio Moro deveria ser candidato a presidente em 2022?”. Quem pergunta é a deputada federal e presidente nacional do Podemos, Renata Abreu, que divulgou enquete em suas redes sociais na segunda-feira (11). Porém a votação é exclusiva para os apoiadores da campanha Juntos Podemos. Quem ainda não faz parte, mas quer participar da votação, basta votar e confirmar e-mail.

A parlamentar não esconde a vontade do Podemos em lançar o ex-juiz e ex-ministro da Justiça do governo Bolsonaro para corrida presidencial de 2022. No início deste mês, ao jornal Valor, Renata disse que Moro está “bem entusiasmado” com a candidatura para presidente.

“Eu acho que ele está bem entusiasmado com a ideia. Ele voltou para os Estados Unidos agora para fazer uma conversa com a família dele. Temos até o comecinho de novembro para ele dar essa resposta. A gente fez uma pesquisa bem ampla e ele é o único nome hoje que pode romper com a polarização, ele já larga com 10% sem ter se declarado candidato. Ele pega o eleitor do Bolsonaro e pega o eleitorado que é anti-Lula, que é anti-PT”.

Em julho, ela também falou sobre o assunto ao jornal Metrópoles. “Nós temos, sim, o sonho de tê-lo e vê-lo como candidato. Eu defendo a candidatura do ministro Sérgio Moro por tudo o que ele representa e já fez pelo País. Ele combateu o sistema que está emprenhado na política e teve peito para combater a corrupção de frente. Nunca se curvou. E mesmo diante de todas as perseguições que ele sofreu por peitar esse sistema, nunca acharam uma vírgula de corrupção para falar do ministro Sérgio Moro”.

Na ocasião, ela ainda afirmou que a corrupção é uma cultura que existe no país e precisa ser enfrentada. “O ministro Sérgio Moro tentou fazer isso de fora para dentro, inclusive o próprio judiciário cancelou as sentenças dele, o que, no meu ver, foi um absurdo. Então, agora precisamos enfrentar o sistema de dentro pra fora. O juiz Sérgio Moro foi convocado pelas pessoas de bem do País a enfrentar essa luta. Nós acreditamos nele porque vimos o que ele foi capaz de fazer como juiz, e sabemos o que ele pode fazer enquanto presidente da República”, finalizou.