“Rouba cena”, a mulher que atirou em motorista de Uber, continua foragida

Continua foragida a mulher que se jogou de um veículo Ford Ka, ainda em movimento, na tarde de quarta-feira (6), na avenida Franz Voegeli, Vila Yara, em Osasco.

A perseguição cinematográfica terminou na rua Pedro Fioretti com o comparsa dela preso.

O delegado Igor Guedes, titular da Dise (Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes), disse que a polícia continua à caça da marginal. “Em breve teremos boas notícias”, disse.

A mulher, que nas redes sociais se intitula como “rouba cena”, é suspeita de ter atirado no motorista durante o assalto.

O motorista de Uber mora em Cotia e seu estado de saúde é estável. Ele não corre risco de morte.

O delegado disse que “rouba cena” é conhecida por tráfico de drogas na região do Santo Antônio. Ela e seu comparsa têm passagem pela polícia.

Maranhão Gomes