“Se deputado reajustar seu salário terá que reajustar de todos os professores do país”

 “Se deputado reajustar seu salário terá que reajustar de todos os professores do país”

Divulgação

Sabe aquele velho papo de que os deputados federais e senadores aprovaram projeto aumentando seus salários, algumas vezes, acima da inflação. Pois é. A deputada federal Renata Abreu quer estender esse benefício aos professores. Como? Vinculando o piso nacional da categoria ao reajuste salarial no Congresso.

Dessa forma, se o deputado e senador tiver reajuste de 20% no ano e a inflação for de 8,5%. O salário do professor não será elevado em 8,5% naquele ano e sim em 20% como o reajuste do salário dos políticos. A proposta foi anunciada nesta terça-feira (26) durante coletiva de imprensa em Osasco.

“[Queremos] a valorização dos professores vinculando o piso nacional ao salário de deputados e senadores. A lógica do projeto é: se deputado e senador quiserem aumentar seu próprio salário terá que fazer com todos os professores do país porque somente quando os professores forem encarados como prioridades o Brasil começa a avançar”, comentou.

Renata, que é candidata à reeleição, ainda comentou que irá pleitear no próximo mandato a presidência da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados e defender aumento de pena para alunos que cometerem crimes contra os professores nas escolas. “Compreendemos que é necessário fazer um fortalecimento ainda maior do nosso grupo para buscar a presidência da Comissão de Educação, que é o nosso próximo passo em nossa próxima legislatura, e aí sim conseguir pautar esses projetos como Educação Cidadão, política nas escolas e aumento de pena para aqueles que cometem crimes contra professores nas escolas”, completou.

Graciela Zabotto