Vereadora quer cursos na área da tecnologia e ampliação do EJA

 Vereadora quer cursos na área da tecnologia e ampliação do EJA

Autora do Projeto de Lei que propõe a criação da Frente Parlamentar pela Geração de Emprego, Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico em Osasco, a vereadora Elsa Oliveira (Podemos) ressaltou que pretende trabalhar para que sejam oferecidos à população cursos de qualificação na área da tecnologia. O PL autoriza parceria para fomentar programas de capacitação. Em entrevista ao Diário ela afirmou que a cidade tem empresas do setor que precisam desse tipo de mão de obra. “A tecnologia está aí, veio com tudo, não tem mais como a gente não se envolver com ela. Ela está em tudo, dentro da nossa casa, nos nossos carros. Se falarmos de tecnologia da informação, até os idosos já aderiram, desde o uso para o envio de uma simples mensagem até a publicação de conteúdo. Todo mundo está envolvido com algum tipo de tecnologia. E em Osasco tem sido um pólo atrativo para empresas de tecnologia. Se tem empresas, tem empregos. Então precisamos capacitar as pessoas nas áreas, para que essas vagas sejam preenchidas pela nossa gente!” Elsa, que foi secretária de Emprego, Trabalho e Renda em Osasco, entre 2019 e 2020, lembrou de algumas ações que foram realizadas enquanto estava à frente da Pasta. “Pensando na quantidade de vagas que nós tínhamos nessas áreas foi que nasceu a parceria com Sebrae, Senac e com a Fatec. Começamos, por exemplo, a fazer processos seletivos dentro da faculdade de tecnologia e encaminhamos vários alunos para empresas multinacionais, até fora de Osasco”.  Mas os olhos da parlamentar não estão voltados apenas para a área tecnológica. Ela também quer ampliação da EJA (Educação de Jovens e Adultos). “Na Secretaria de Emprego, Trabalho e Renda e nos portais do trabalhador nós tínhamos inúmeras vagas disponíveis, mas não tínhamos pessoas qualificadas para essas vagas. Então a gente precisa fazer o processo inverso que é trabalhar qualificação, mas também motivar essas pessoas a voltar a estudar para que tenham melhores oportunidades”. O PL da vereadora tramita nas Comissões Permanentes da Câmara Municipal. 

Da Redação