Vereadores buscam verba em Brasília para restaurar Museu de Osasco

 Vereadores buscam verba em Brasília para restaurar Museu de Osasco

Uma comitiva de vereadores de Osasco foi a Brasília, nesta segunda-feira, 21, em busca de recursos para reforma do Museu Municipal, fechado desde 2019.

Na Capital federal os parlamentares participaram de reunião com o secretário executivo do Ministério do Turismo, Marcos Pereira.

A divulgação foi feita pela vereadora Elsa Oliveira (Podemos). “A semana começou em Brasília, com uma comitiva de vereadores buscando melhorias para nossa cidade. Como presente de aniversário pelos 60 anos de Osasco, nossa primeira reunião foi com o secretário executivo do Ministério do Turismo, Marcos Pereira, para viabilizar recursos para a reforma do nosso Museu de Osasco. Podemos, PSD, Republicanos e PP unidos em prol de um objetivo maior”, postou em suas redes sociais.

Além de Elsa, integraram a comitiva o presidente da Câmara, Ribamar Silva (PSD), e os parlamentares Fábio Chirinhan (PP), Ralfi Silva (Republicanos), Carmônio Bastos e Lúcia da Saúde, ambos do Podemos.

Museu abraçado

No sábado, 19, data em que a cidade completou 60 anos, moradores, diversos movimentos sociais, sindicatos e políticos participaram de um abraço simbólico ao Museu de Osasco. O ato aconteceu, das 10h às 12h.

Os organizadores reivindicam o restauro do local, a retirada das grades e a abertura do Museu à população.

A casa histórica foi construída no século XIX e dali partiu, em 1910, o primeiro voo da América Latina projetado, inteiramente, em solo brasileiro pelo engenheiro Dimitri Sensaud de Lavaud que dá nome ao museu.

O Modephac (Movimento em Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural), presente ao evento, alerta para a destruição da memória do município.

Recentemente foi destruída a casa que pertenceu à família Jaguaribe e deu origem ao bairro.

Há 3 anos, um prédio de 21 andares começou a ser erguido onde funcionou a Hervy, primeira fábrica de cerâmica da América Latina e primeira indústria de Osasco.

Graciela Zabotto