21 de maio de 2024 03:39

Sindicato pede que Estado fiscalize aumento abusivo de arroz, feijão, leite e óleo
Santana de Parnaíba terá Batalha dos Assadores pela primeira vez
Usuária de droga agride "amigo do crack" com marreta
Bandido condenado a 6 anos é preso em calçada no Portal D'Oeste
Jovem é confundido com bandido durante brincadeira de "polícia e ladrão"
Motoqueiros armados rendem vítimas para roubar aliança

21 de maio de 2024 03:39

Sindicato pede que Estado fiscalize aumento abusivo de arroz, feijão, leite e óleo
Santana de Parnaíba terá Batalha dos Assadores pela primeira vez
Usuária de droga agride "amigo do crack" com marreta
Bandido condenado a 6 anos é preso em calçada no Portal D'Oeste
Jovem é confundido com bandido durante brincadeira de "polícia e ladrão"
Motoqueiros armados rendem vítimas para roubar aliança
12 vereadores se declaram "apóstolos" de Furlan em apoio a Beto Piteri prefeito

Divulgação

Da redação     -
11 de março de 2024

O prefeito Rubens Furlan (PSB) postou em suas redes sociais, nesta segunda-feira (11), um vídeo ao lado de 12 vereadores da cidade declarando apoio a ele e a seu pré-candidato à sua sucessão, Beto Piteri.

Segundo Furlan, os parlamentares o procuraram para reforçar “lealdade” ao projeto de governo e à continuidade dos trabalhos desenvolvidos em Barueri.

A atitude surgiu após alguns vereadores da base, na Câmara Municipal, debandaram para a oposição.

Em vídeo, Furlan fez questão de frisar que “nada pessoal” foi solicitado. A declaração é uma “alfinetada de leve” nos “boatos” de que a oposição estivesse oferecendo “vantagens” a quem pulasse do barco.

Também nesta segunda-feira, a pré-candidata Mari Tavelli, postou um vídeo insinuando que a oposição estivesse “comprando” adeptos.

Na lista dos doze “apóstolos” de Furlan estão os vereadores: Cris da Maternal (PSDB), doutora Cláudia Marques (PDT), Kascata (União Brasil), Keu Oliveira (PRD), Levi Jânio (Avante), Mary Rodrigues (PSDB), Ornedo Neves (DPT), Rafa Carvalho (União Brasil), Rodrigo Rodrigues (Podemos), Thiago Rodrigues (PDT), Toninho Furlan (PDT) e Wilson Zuffa (Republicanos).