23 de maio de 2024 21:45

Governo aprova instalar Instituto Federal em prédio da Unifesp no Jardim das Flores
Osasco inicia semana que vem construção da Escola do Futuro
AtivOz explica o que é escola cívico-militar e repudia violência na votação
Sequestradores mandaram padre urinar e defecar na calça
Mulher grávida de 4 meses participou de sequestro de padre em Osasco
Polícia estoura cativeiro e liberta padre em Osasco

23 de maio de 2024 21:45

Governo aprova instalar Instituto Federal em prédio da Unifesp no Jardim das Flores
Osasco inicia semana que vem construção da Escola do Futuro
AtivOz explica o que é escola cívico-militar e repudia violência na votação
Sequestradores mandaram padre urinar e defecar na calça
Mulher grávida de 4 meses participou de sequestro de padre em Osasco
Polícia estoura cativeiro e liberta padre em Osasco
Entre treino e fisioterapia, vôlei Osasco se prepara para próximo jogo

(Foto Caio Henrique)

Sergio Redator    -
10 de novembro de 2020

O Osasco São Cristóvão Saúde estreou com vitória na Superliga 2020/21. Na noite de segunda-feira (9), a equipe do técnico Luizomar bateu o Curitiba Vôlei por 3 sets a 1, parciais de 25/19, 17/25, 25/22 e 25/13, em 1h45min. Na próxima rodada, Tandara, Roberta, Bia, Camila Brait, Jaque e companhia jogam em casa. Recebem o Fluminense na sexta-feira (13), às 21h30, no ginásio José Liberatti.

A vitória de Osasco foi marcada pelo alto número de bloqueios e pela superação. A equipe osasquense marcou 24 pontos na base do paredão, um dos fundamentos que fez a diferença. O que também fez a diferença foi a garra das atletas. Além da entrega tradicional em quadra, jogadoras como Tainara e Gabi Cândido foram ao limite das forças.

Tainara sentiu uma contratura muscular na região da coluna dorsal durante o aquecimento, enquanto Gabi passou a semana entre treinos e fisioterapia para se recuperar do estiramento muscular no posterior da coxa esquerda sofrida no Super Vôlei. Jaque nem viajou para seguir tratando da lesão que a tirou do último jogo do campeonato em Saquarema.

Apesar das dificuldades, Roberta conseguiu variar bem o ataque, intercalando com eficiência levantamentos pela ponta e pelo meio. Não por acaso, foi eleita pela torcida de Osasco a MVP da partida. Tandara e Bia, com 18 acertos cada, foram as maiores pontuadoras.

“Sabíamos que seria um jogo difícil. O Curitiba tem muito volume de jogo e, ao estudar o time delas, sabíamos que seria preciso jogar bem taticamente. Conseguimos no primeiro set, inclusive com muitos pontos de bloqueio. Mas estreia é estreia e sempre dá um nervoso. Estávamos ansiosas pela volta da Superliga. Tivemos alguns problemas na partida e agora vamos analisar em quais pontos podemos melhorar para evoluir”, comentou a central, que conseguiu nove bloqueios, e venceu o troféu Viva Vôlei da CBV.