28 de maio de 2024 13:42

Café Sampa celebra Dia do Hambúrguer com 50% de desconto nos combos
PRTB oficializa Pablo Marçal pré-candidato a prefeito de São Paulo
Defesa Civil de Jandira e GCM chegam ao Rio Grande do Sul
Moradora denuncia vazamento de água em Carapicuíba
Trio rouba adega durante madrugada em Carapicuíba; veja vídeo
Vendedores ambulantes ganham espaços fixos na Fazendinha

28 de maio de 2024 13:42

Café Sampa celebra Dia do Hambúrguer com 50% de desconto nos combos
PRTB oficializa Pablo Marçal pré-candidato a prefeito de São Paulo
Defesa Civil de Jandira e GCM chegam ao Rio Grande do Sul
Moradora denuncia vazamento de água em Carapicuíba
Trio rouba adega durante madrugada em Carapicuíba; veja vídeo
Vendedores ambulantes ganham espaços fixos na Fazendinha
Infectologistas pedem lockdown

(Divulgação)

Mari Magdesian    -
20 de novembro de 2020

Um grupo de infectologistas de São Paulo assinou uma carta a amigos para alertá-los sobre “um aumento expressivo de casos de Covid-19 nos hospitais” que, segundo eles, estariam “lotados” por causa de um aumento que chegaria a até 100% em alguns serviços. A carta, enviada em caráter pessoal a pessoas conhecidas, foi assinada por médicos como Giovanna Baptista Sapienza, Marcela Capucho Chiaratin, Renata Guise Azevedo, Natanael Sutikno Adiwardana e Daniel Wagner Santos.

“Recomendamos fortemente novo ISOLAMENTO DOMICILIAR!”, escreveram eles, em maiúsculas. “Não ir a bares, restaurantes e festas. Não organizem encontros ou eventos sociais. Acreditamos que vocês estejam cansados de tudo isso, mas lembrem-se que nós estamos muito mais…. e ainda estamos vendo pessoas morrerem, famílias inteiras contaminadas e os casos aumentando progressivamente, sem nenhuma medida sendo tomada por parte dos governos”, diz a carta. (coluna Mônica Bergamo, Folha de S.Paulo).