17 de abril de 2024 00:34

Presidente da Federação Mineira diz que "casa" do vôlei Osasco é “ambiente inóspito”
Tarcísio anuncia nesta quarta ampliação de leitos no Regional de Osasco
Frente fria chega na quinta com chuva e mínima de 12°C
Pavimentação asfáltica da Transversal Norte é entregue
Sete são trancados em banheiro durante assalto a salão de beleza
Professor usa golpe de jiu-jitsu para conter aluno em escola de Itapevi

17 de abril de 2024 00:34

Presidente da Federação Mineira diz que "casa" do vôlei Osasco é “ambiente inóspito”
Tarcísio anuncia nesta quarta ampliação de leitos no Regional de Osasco
Frente fria chega na quinta com chuva e mínima de 12°C
Pavimentação asfáltica da Transversal Norte é entregue
Sete são trancados em banheiro durante assalto a salão de beleza
Professor usa golpe de jiu-jitsu para conter aluno em escola de Itapevi
Marcos Neves é reeleito com 72% dos votos em Carapicuíba

(Foto facebook)

dev    -
16 de novembro de 2020

Carapicuíba elegeu Marcos Neves (PSDB) para governar a cidade por mais quatro anos. O atual prefeito conquistou nada mais nada menos que 72,64% dos votos válidos. Na prática, 128.773 eleitores escolheram o tucano em um pleito onde 11 disputavam a cadeira do poder Executivo.

Professora Sônia (PSD) ficou em segundo lugar, com 21.085 votos (11,89%); Sérgio Ribeiro (PT) ficou com o terceiro lugar, com 12.807 (7,22%). Em seguida aparece Néia Costa, com 5.853 (3,30%); Doutora Amanda Horatório (PCdoB), com 2.771 votos (1,56%); Vasquinho Gama (PSL), 2.320 votos (1,31%); professor Ricardo Marcusso, 2.069 votos (1,17%); doutor Henrique Apparício, 624 votos (0,35%); William Teixeira, 487 votos (0,27%); Edimar Salem (PRTB), 313 votos (0,18%); e Luiz Teixeira (PMB), 169 votos (0,10%).

Na eleição de 2016, Marcos Neves conquistou 102.287 votos (56,85% dos votos válidos). Na época ele era deputado estadual e também levou a prefeitura no primeiro turno. Sete candidatos disputaram naquele ano. Em segundo lugar ficou a candidata professora Sonia (então PRB), que teve 67.794 votos e, com 37,68% dos votos válidos.  Abraão Júnior (PSDB) foi o terceiro colocado, 5.545 votos (3,80% dos votos válidos), seguido por Professor Marcusso (PSOL), que obteve 2.446 votos (1,36%% dos votos válidos) e por Vanderlei Fernandes (Rede), com 1.470 votos (0,82% dos votos válidos). Luiz Teixeira (PPL) teve 383 votos (0,21% dos votos válidos). Já os votos dados a Luciano Leite, do PT, foram considerados nulos, porque ele concorre sub judice (com recurso na Justiça). Após o julgamento de seu recurso, se a candidatura for considerada válida, os votos serão retotalizados.