20 de abril de 2024 06:58

Marcos Neves anuncia José Roberto como pré-candidato a prefeito em Carapicuíba
Renata Abreu lança abaixo-assinado para SUS Animal
Laércio Mendonça diz que só deixa cadeira do PSD por “decisão da lei”
Vereadores criticam comissionados da Prefeitura por dificultar processos
“Parece que somos 21 pamonhas aqui dentro”, diz Santa Maria
"Cada ano de trabalho da gente é considerado dois do povo aí fora”, diz vereador

20 de abril de 2024 06:58

Marcos Neves anuncia José Roberto como pré-candidato a prefeito em Carapicuíba
Renata Abreu lança abaixo-assinado para SUS Animal
Laércio Mendonça diz que só deixa cadeira do PSD por “decisão da lei”
Vereadores criticam comissionados da Prefeitura por dificultar processos
“Parece que somos 21 pamonhas aqui dentro”, diz Santa Maria
"Cada ano de trabalho da gente é considerado dois do povo aí fora”, diz vereador
Osasco suspende licitação para Castramóvel

(Divulgação)

dev    -
19 de setembro de 2020

A prefeitura de Osasco suspendeu a licitação que iria contratar empresa para oferecer o serviço móvel de castração na cidade, conhecido também como Castramóvel. O aviso de licitação foi publicado no final de agosto.

Segundo publicado na Imprensa Oficial, o edital será republicado com nova data de abertura. A empresa contratada deverá oferecer toda estrutura e mão de obra para a castração de cães e gatos.

A unidade irá atender principalmente regiões onde as pessoas não têm condições de se locomover até Hospital Público Veterinário, na Zona Norte. No total serão atendidos 15 bairros, podendo se repetir dependendo da demanda de cada local.

O contrato terá validade de 12 meses e fará 3 mil castrações. O valor do contrato será de R$ 500 mil e será pago com parte do recurso de R$ 1 milhão pactuado no Termo de Ajuste de Conduta (TAC), firmado entre o Carrefour e a prefeitura de Osasco, nos autos do Inquérito Civil n° 7054/18, instaurado pelo Ministério Público do Estado de São Paulo, referente a agressão cometida por um segurança, em sua loja na cidade, que resultou na morte de um cão de rua conhecido como Manchinha, em 28 de novembro de 2018.

Além do valor destinado ao castramóvel, outros R$ 350 mil vão para a compra de medicamentos para o Hospital Municipal Veterinário – que inclusive tem o nome de Manchinha – ou que estejam no canil municipal. E R$ 150 mil para a aquisição e entrega de rações para associações, ONGs e entidades que cuidam de animais em Osasco.