22 de junho de 2024 19:58

Incursão em favela resulta na apreensão de quase duas mil porções de drogas
"Operações nas divisas vão continuar", diz coronel Virgolino
Vôlei Osasco apresenta elenco da temporada 2024/2025
Em 4h, polícia e GCM vistoriam 196 pessoas, 71 motos e 25 carros na divisa de Osasco e Carapicuíba
Cotia prevê orçamento de R$ 1,7 bilhão para 2025
Em um mês região ganhará 1° "shopping aberto" semelhante aos da Europa e EUA

22 de junho de 2024 19:58

Incursão em favela resulta na apreensão de quase duas mil porções de drogas
"Operações nas divisas vão continuar", diz coronel Virgolino
Vôlei Osasco apresenta elenco da temporada 2024/2025
Em 4h, polícia e GCM vistoriam 196 pessoas, 71 motos e 25 carros na divisa de Osasco e Carapicuíba
Cotia prevê orçamento de R$ 1,7 bilhão para 2025
Em um mês região ganhará 1° "shopping aberto" semelhante aos da Europa e EUA
Pelé da Cândida dava R$ 1 a goleiro Ederson

Divulgação

Da redação     -
09 de fevereiro de 2024

A Câmara Municipal de Osasco aprovou, nesta terça-feira (6), uma Moção de Aplauso ao jogador osasquense Ederson Moraes, da Seleção Brasileira e do Manchester City (ING).

Ele foi eleito o melhor goleiro do mundo pela FIFA na temporada 2022-2023 e recebeu o prêmio em cerimônia realizada em Londres, no dia 15 de janeiro. O autor da moção, vereador Pelé da Cândida (MDB) recordou o início da carreira do goleiro.

“Conheci o Ederson quando eu vendia produto de limpeza. Eu o via indo para escola, no Jardim Rochdale, e ele me pedia R$ 1 e eu sempre dava R$ 1 para ele ir para a escola. Ele pedia também aquelas canetas promocionais que eu ganhava dos comércios. Ele falava: “Me dá uma dessa daí”. E eu dava. Que coisa linda ver um menino do Jardim Rochdale chegar a ser o melhor goleiro do mundo”, lembrou Pelé na tribuna.

Pelé também destacou o trabalho da Secretaria de Esportes, Recreação e Lazer (Serel) na descoberta de novos talentos, recordando Giba, que revelou Ederson para o futebol.

Bolsa Atleta
O presidente do Legislativo, Carmônio Bastos (Podemos), e o vereador Délbio Teruel (União Brasil), que já foram secretários de Esporte, destacaram o papel do programa Bolsa Atleta na descoberta e formação de talentos em Osasco.

“O Ederson nos enche de orgulho, porque é um grande atleta que saiu da cidade de Osasco. Sinal que a cidade está sempre investindo no esporte”, afirmou Délbio Teruel.

“Nesse orçamento [para 2024] fomos bem cirúrgicos e mantivemos o valor do Bolsa Atleta e Bolsa Técnico”, apontou Carmônio.